. .  

 

Outras Cidades
Outras Cidades

Publicado em 14/02/2020 às 14:15 horas

Técnico da EMATER realiza visita a agricultor da cidade de Altos

O Técnico Roberval esteve na localidade Fazenda Nova, zona rural da cidade Altos, visitando o agricultor Matias Pereira Paz, atendido pelo Programa PAA Compra Direta individual MDS Governo do Estado através do Emater, o agricultor explora também ovinos e bovinos de corte, irrigante e piscicultor. O agricultor explora uma área de 17 hectares, exemplo de agricultor familiar de sucesso.

.

.

.

.

REDAÇÃO: PORTAL PAU D'ARCO

IMAGENS: ROBERVAL


Publicado em 10/01/2020 às 12:05 horas

Mulheres fazem manifestação contra violência em Altos

Mulheres da cidade de Altos são vítimas de violência feminina

Manifestantes se reuniram nesta sexta-feira (10), na Avenida principal, em Altos para protestar contra a violência sofrida por mulheres. O ato, segundo  organizadores, foi devido a um caso de violência muito bárbaro de a uma mulher na cidade de Altos. Fizeram parte do ato movimentos, promotores, juiz, sindicalistas e movimentos feministas. A organização do ato e a policia rodoviária federal não estimaram o número de participantes.

Com cartazes e faixas, manifestantes  marcharam pela Avenida Francisco Raulino, em direção ao Foro, no Centro de Altos. No trajeto, uma performance “apresentação de violência feminina”.

 A principal pauta do protesto, segundo informações de uma das organizadoras do ato, é lutar contra os tipos de violência que a mulher sofre. “Lutamos contra a violência física, o machismo, o racismo e também contra a violência do estado contra a mulher”, afirmou Djacira.

Escute o áudio abaixo

Redação: Portal Pau D’arco

Vídeo: Francisca Xavier


 

Homem suspeito de torturar, estuprar e manter em cárcere privado a ex-mulher é preso em Altos
.
Marcos Emílio Alcides de Araújo, de 39 anos, foi preso na tarde desta quarta-feira (08/01), no povoado Maraca, na cidade de Altos/PI. Alcides é suspeito de cárcere privado, tortura, agressão e estupro contra a própria esposa, uma professora de 38 anos.

O homem que teve a prisão preventiva decretada, estava solto e foi capturado na zona rural do município. No dia do crime, ele chegou a ser preso em flagrante, porém, foi liberado após audiência de custódia.

A Polícia Civil abriu o inquérito e está investigando o homem, após denúncias da mulher. A professora foi mantida em cárcere privado por oito dias.

Durante o período, o homem chegou a dizer para o pai da mulher que queria matar toda a família dela. A prisão aconteceu no dia 15 de dezembro de 2019, quando ela conseguiu fugir do marido e foi até um posto da Polícia Militar, próximo a casa.

A Polícia Militar foi até a residência e prendeu em flagrante Marcos Emílio. Em dois celulares apreendidos foram encontrados vídeos que mostram a mulher sendo torturada, de joelhos, nua, amarrada em uma árvore, o agressor chega a derramar combustível sobre ela, ameaçando atear fogo.

A mulher ainda foi agredida com socos, chutes, teve os cabelos cortados, e ela foi ameaçada de morte com uma facão.

As agressões já estavam acontecendo há um certo tempo, o motivo seria por que o homem não aceitava o fim do casamento, em que já durava 20 anos. Mesmo preso em flagrante, o homem foi liberado após a audiência de custódia.

Fonte: 180graus

Publicidades

.

CLIQUE AQUI E SEJA UM DOS NOSSOS ANUNCIANTES>

 

topo